Vagas para Mestres Costeiros | Portos e Caminhos de Ferro de Moçambique

Requisitos dos candidatos a Mestres Costeiros e Chefe de Máquinas:  

• Idade compreendida entre 21 a 34 anos;  

• Nacionalidade moçambicana;

• Serviço militar regularizado.

Requisitos de Qualificação a Mestres Costeiros:  

• Certificação em mestrança ou outras áreas afins;

• Certificado ou carta de competência marítima;

• Certificado ou carta de competência de mestre costeiro emitido ou reconhecido pelas autoridades com- petentes;

• Portar certificação com padrões de competências exigidas pelas convenções STCW ou Convenção de Manila âmbos de 2010;

• Certificado de qualificação para controlo das operações de combate ao incêndio, primeiros socorros, segurança básica e sobrevivência no mar;

• Conhecimentos básicos do inglês maritimo;

• Experiência profissional mínima e comprovada de 3 anos.  

Nota – Podem se inscrever igualmente técnicos médios desta área desde que apresentem comprovativo de experiência bastante na área, e que tenha Certificados de escalonamento profissional passado pelo INAMAR.

Responsabilidades:

Única: comandar, manobrar e governar o rebocador nas mais variadas condições de navegabilidade e coordenar funções técnicas a bordo.

Atribuições:

• Auxiliar o piloto de barra e portos, na atracação e desatracação de navios que demandam no porto;

• Garantir que o trabalho seja executado de maneira segura e de acordo com as instruções dadas pelo piloto de barra e portos e seus superiores;

• Coordenar e realizar manobras de reboque de outras embarcações em mar aberto, em águas restritas e nas docagens;

• Inspeccionar todos equipamentos, maquinaria e ele- mentos do convéns no auxílio das operações marítimas;

• Elaborar, implementar e zelar pelo cumprimento de regulamentos e recomendações emanadas de convénios marítimas internacionais;

• Programar, realizar e actualizar com frequência os exercícios do plano de segurança abordo de acordo com solas;

• Reportar qualquer incidente/acidente e avarias do rebocador ou navio que está sendo assistido, ao piloto de barra e portos, Torre de Controlo de Tráfego Marítimo, logo após a ocorrência e enviar um relatório escrito antes do navio deixar o porto;

• Elaborar, manter e verificar o registo e relatórios de serviços prestados na assistência;

• Plancar e recomendar ao superior os programas de treinamento ou formação que reduzam o desperdício de tempo para boa produtividade de tripulação e do tráfego no porto.

Requisitos ou competências técnicas

• Conhecimentos profundos de métodos e técnicas de reboque (atracação e desatracação de navios) e de pilotagem;

• Conhecimentos profundos de todos os instrumentos de navegação;

• Conhecimentos de leis e regulamentos marítimos;

• Ter conhecimentos das regras de HST;

• Capacidade de trabalhar em equipa e sob pressão;

• Capacidade de apreender e ensinar.

NB.:  

• Todas fotocópias deverão ser reconhecidas no Notário.

• Todo o processo, da inscrição até a admissão é gratuita, pelo que, apelamos aos candidatos a não aceitarem a troca de favores ou pagamento de valores monetários nem espécie como forma de garantia ao emprego no CFM. Em casos de algum aliciamento nesse sentido ligue imediatamente para 21310838, extensão 3448.

Local de Trabalho e Número de Vagas

• 3 vagas para CFM-Centro (Porto da Beira)

• 1 vaga para CFM-Norte (Porto de Pemba)

Nota: Os profissionais estarão sujeitos a deslocações e ou movimentação para qualquer ponto do país, sempre que necessário.

Maputo, aos 5 de Maio de 2021

error: Preserve os direitos do autor. !!